Minha Casa, Minha Vida Desde quando o governo federal lançou o programa habitacional “Minha Casa, Minha Vida”, Dr.Sandro vem batalhando para que o município de Nova Andradina também seja beneficiado. Inicialmente o programa previa atender apenas municípios com população acima de 50 mil habitantes, mas devido esforços conjuntos de parlamentares de todo o Brasil, o governo federal recuou, e estendeu o programa para todos os municípios, entretanto esse critério foi apenas oficialmente regulamentado agora, através da portaria interministerial nº 484 de 28 de setembro de 2009. A portaria estabelece que municípios com 20 a 50 mil habitantes podem apresentar até 3 projetos para construção de 60 moradias cada, logo, no caso de Nova Andradina, podem ser pleiteadas até 180 moradias, e ainda estabelece um prazo de apenas 30 dias a partir da data de publicação para apresentação dos projetos, ou seja, todos os municípios com menos de 50 mil habitantes precisam correr e entregar os projeto até 29 de outubro.
Em vista dos fatos, Dr.Sandro foi pessoalmente cobrar a Secretária de Infra-estrutura Elizabeth Sumiko Anami Nogueira para que empenhe todos os esforços para concretizar e entregar o projeto dentro do prazo estabelecido na portaria, sob pena do município perder essa grande oportunidade de realizar o sonho da casa própria de muitos cidadãos nova-andradinenses.

Dr.Sandro cobra agilidade programa Minha Casa Minha Vida

Veja também:

  1. Dr. Sandro pede inclusão de Nova Andradina no programa Minha Casa, Minha Vida
  2. Nova Andradina beneficiada pelo “Minha Casa, Minha Vida”
  3. Dr. Sandro cobra agilidade na instalação do novo aparelho de ultrassonografia
  4. Zé Teixeira cobra instalação de telefonia móvel celular na Nova Casa Verde
  5. Dr.Sandro cobra bloquetes para o bairro COHAB3