Meu nome é Sandro Roberto Hoici, médico urologista a 17 anos em Nova Andradina, eleito vereador em 2008 e reeleito em 2012. Criei este blog para tratar de assuntos de saúde e também prestar contas sobre meu trabalho na Câmara Municipal.

Destaque

Campanha Saco é um Saco

Campanha

Saco é um saco


Participe você também!

Citação

“O motivo pelo qual não é fácil para as pessoas viverem em paz está no fato de saberem demais.”
por Lao Tsé

Ecologia

08
nov

Câmara de Nova Andradina apresenta 15 indicações e requerimentos à Prefeitura

Proposições foram aprovadas por unanimidade e encaminhadas aos respectivos órgãos

imageEm sessão ordinária deliberativa, a Câmara de Nova Andradina apresentou 15 indicações e requerimentos à Prefeitura entre outros órgãos públicos. As propostas elaboradas pelos vereadores foram aprovadas por unanimidade e contemplam diversas áreas.

Em uma delas, o vereador Wilson Almeida (PT) solicitou ao Executivo que sejam executados serviços de pavimentação asfáltica na Rua Maria Efigênia de Araújo, no Conjunto Habitacional Profª. Cláudia de Campos Dias Turra.

Na mesma linha, os vereadores Deildo Piscineiro (PSDB) e Robertinho Pereira (PMDB) reivindicaram que sejam viabilizados estudos técnicos para pavimentação interligando a Rua Massayuki Azuma, no trecho compreendido entre a Rua Raimundo Dantas Pinheiro e a Rodovia MS-473. Ainda em sessão, Deildo apresentou indicação em que busca a implantação de uma ondulação transversal à via na Rua Tenente Cilys Pereira, no Residencial Francisco Alves. Já em conjunto com a vereadora Joana Darc (PR), Piscineiro cobrou a poda de árvores e a limpeza no pátio do Centro de Educação Infantil Mundo Encantado.

De autoria dos vereadores João Dan (PSDB), Airton Castro (PDT) e Deildo, a Câmara aprovou ainda indicação que busca a instalação de uma academia ao ar livre na área urbana do assentamento Santo Olga. A elaboração de projeto para levantar camaleões e cascalhar aproximadamente 300 metros de estrada da Gleba Angico também pautou sugestão encaminhada por Airton Castro, que cobrou, ainda, providências para que se faça restauração da canaleta localizada no cruzamento das ruas Santo Antônio e José Pereira Sobrinho.

Na ocasião, Airton Castro também reivindicou “para que seja providenciada a instalação de energia em aproximadamente 200 lotes do Assentamento Teijin, que tenham uma edificação em condições de abrigar fiação de energia e que, seja habitada de forma a caracterizar o chamado domicílio rural”.

Já de autoria do vereador Ricardo Lima (DEM), a Câmara reforçou proposta para que seja construída uma quadra de areia na Praça Elza Carielo de Moraes Laurenti (Portal do Parque), além de uma série de serviços no Centro de Treinamento Ercílio Carreira Mendes, como a instalação de refletores e a construção de vestiários e de uma quadra de areia.

Por iniciativa do vereador Amarelinho (PMDB), o Legislativo solicitou a instalação de dois mastros na quadra de areia da Praça Shoji Shirota, no conjunto habitacional Celina Gonçalves. Em parceria com o vereador Dr. Sandro (DEM), Amarelinho também indicou que sejam efetuados estudos para a contratação de um neurologista para atender diariamente no Centro de Especialidades Médicas (CEM).

Em sessão, foi aprovada ainda indicação apresentada pelo vereador Robertinho Pereira, em que sugere ao Executivo a instalação de quiosques em praças da cidade. Já por meio do vereador Valmirá do Pax (PSDB), o Legislativo solicitou a implantação de iluminação no Cemitério Santa Bárbara.

Com foco no trânsito, Dr. Sandro propôs a realização de estudo para regulamentar e redirecionar o fluxo de veículos de serviços pesados (exceto os essenciais no âmbito público) dentro do perímetro urbano de Nova Andradina.

Já, entre os requerimentos, está o de autoria do vereador João Dan, em que o parlamentar questiona a dispensa dos serviços de segurança prestados à agência dos Correios de Nova Casa Verde.

O mesmo protocolo foi adotado pelo vereador Wilson Almeida, que solicitou diversas informações à Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social, entre elas os valores recebidos pela pasta, benefícios, aplicação de recursos, compra e distribuição de cestas de alimentos e os critérios utilizados para que munícipes sejam contemplados em programas sociais.

27
abr

Com substituição gradativa do papel comum por reciclado, Dr. Sandro propõe gestão ambiental ao Executivo

Com substituição gradativa do papel comum por reciclado, Dr. Sandro propõe gestão ambiental ao ExecutivoCom a proposta de auxiliar a administração municipal com projetos e ações que tratam da boa gestão ambiental do município, o vereador democrata Sandro Hoici defende a substituição gradativa de papel comum por reciclado e não clorado nos materiais de expediente e publicações, em todas as unidades públicas subordinadas ao Poder Público Municipal.

A defesa e preservação do meio ambiente pautam a justificativa da indicação, aprovada por unanimidade pela Câmara, em Sessão Ordinária desta segunda-feira (24). “Devemos considerar que o Poder Executivo, nos seus vários níveis e serviços, pode contribuir para o desenvolvimento de uma cultura de responsabilidade ambiental e cidadania, aferíveis não só pela prática, mas também pelo exemplo”, argumenta o parlamentar.

De acordo com o autor da proposta, com a adoção do uso do papel reciclado e não clorado nos materiais de expediente e publicações, o Poder Executivo, pelo seu peso e responsabilidade, assume um importante protagonismo na difusão de medidas de impacto ambiental positivo, tornando-se referência frente às demais instituições e aos cidadãos.

“Hoje o papel reciclado, devido ao constante aperfeiçoamento tecnológico, substitui o papel branco e clorado sem nenhuma defasagem do ponto de vista da qualidade e do tempo de trabalho e manuseio. No aspecto econômico, a diferença de preços é pouco relevante em relação a sustentabilidade ambiental que esta sugestão oferece”, defende.

20
abr

Dr. Sandro requer informações sobre danos ambientais em Nova Andradina

Dr. Sandro requer informações sobre danos ambientais em Nova AndradinaPor meio de requerimento, o vereador Dr. Sandro Hoici (DEM) cobrou soluções quanto aos danos ambientais na Fazenda Baile, em Nova Andradina.

O documento foi encaminhado ao prefeito Gilberto Garcia (PR) e aos secretários municipais Júlio Cesar Castro Marques (Infraestrutura) e Hernandes Ortiz (Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado). Nele, o democrata solicita uma série de informações.

“Questionamos se há alguma atividade para solucionar ou amenizar os danos ambientais na Fazenda Baile e se há algum projeto em fase de implantação para realizar a captação e distribuição de águas pluviais até o Córrego do Baile, sem causar mais danos ao meio ambiente”, argumentou Dr. Sandro.

Na ocasião, o vereador destacou que os danos ambientais naquela região ocorrem e avançam há décadas. “Contudo, nada concreto ainda foi realizado, embora algumas tentativas paliativas já foram feitas, porém, sem resultado”, complementou o vereador.

Além disso, Hoici enfatizou que a propriedade tem sido cada vez mais prejudicada por conta do volume de chuvas que se deslocam por meio da pavimentação asfáltica municipal. “Os munícipes que há muito tempo conheceram o Córrego do Baile para recreação hoje se veem perplexos com tamanha destruição”, concluiu.

24
mar

Dr. Sandro propõe que Câmara substitua copos descartáveis por reutilizáveis

Dr. Sandro propõe que Câmara substitua copos descartáveis por reutilizáveisO vereador democrata Sandro Hoici reiterou em Sessão Ordinária da Câmara, nesta segunda-feira (20), o pedido de substituição dos copos descartáveis por copos reutilizáveis. A ideia é que servidores do Legislativo Municipal tenham um copo reutilizável individual para uso diário. A proposta requer ainda que a aquisição dos reutilizáveis para uso dos funcionários seja por conta da Casa de Leis.

Conforme o Parlamentar, o consumo de copos descartáveis diariamente é de, em média, quatro por funcionário, o que totaliza 80 copos ao final do mês. “A Câmara Municipal conta atualmente com 54 servidores, o que resulta no uso de 4.320 copos descartáveis mensalmente”, explicou.

Vale ressaltar que o preço unitário de cada copo custa em torno de R$ 0,03. Por ano seria gasto R$ 1.555,20, totalizando um montante de R$ 6.220,80 ao final de cada mandato. Com a aquisição de copos reutilizáveis para cada funcionário será gasto apenas uma única vez o valor de R$ 216,00, já que cada copo custa em torno de R$ 4,00.

Dr. Sandro acrescentou que os copos descartáveis ficarão disponíveis apenas para visitantes. “Apenas ¼ do que se compra hoje, ou seja, 75 mil unidades, ficará a disposição para o uso dos munícipes”, salientou.

O Vereador evidenciou que além de reduzir custos a proposição visa contribuir com a preservação ambiental, já que um copo descartável leva em torno de 250 a 400 anos para se decompor.

Dr. Sandro também considera importante a substituição para a saúde do servidor. “Segundo o Ministério da Saúde, os copos descartáveis possuem em sua composição uma substância chamada Estireno, que quando em contato com café quente solta uma quantidade acima do considerado seguro, podendo causar câncer”, esclareceu.

08
mar

Indicações de Dr. Sandro visam o desenvolvimento sustentável do município

Incentivos para a produção de energia limpa, redução do consumo de energia e água, e utilização de calçada ecológica pautam indicações parlamentares

Com foco no desenvolvimento social equilibrado e sustentável do município, o vereador Dr. Sandro Hoici (DEM), apresentou em Sessão Ordinária da Câmara de Nova Andradina nesta segunda-feira, indicações parlamentares que tratam da utilização de calçada ecológica, de incentivos para produção de energia limpa e também para consumidores  que reduzirem seus consumos mensais de energia elétrica e água.

DSC07062Quanto à utilização de calçadas ecológicas, Dr. Sandro destaca a significativa contribuição para restituir o lençol freático, diminuir erosões e a manutenção do asfalto já existente. “Vale lembrar que o próprio Poder Público poderia incentivar o uso da calçada ecológica em suas repartições”, reforça.

Para possibilitar incentivos fiscais (descontos em ISS e IPTU) para pessoas físicas e jurídicas que invistam na produção de energia limpa, Dr. Sandro também é autor de indicação parlamentar que trata do tema. O vereador justifica que o assunto tem pautado estudos em todo o mundo e que este tipo de produção de energia é extremamente importante, principalmente no que se refere à preservação do meio ambiente.

“Nada mais justo que o governo municipal também incentive as pessoas ou empresas que queiram aderir a este tipo de produção de energia, já que o estado participa do programa nacional, incentivando através de redução nos impostos, sem, contudo incorrer em renúncia de receita”, ressalta.

Quanto à redução do consumo de Energia Elétrica e Água, o parlamentar também encaminhou indicação à Sanesul e Energisa solicitando a criação de programas de incentivo que recompensem o consumidor que conseguir diminuir sua conta, através de uma tabela com percentual de descontos.

“A energia elétrica e a água são fontes essenciais à manutenção da vida humana, ao desenvolvimento econômico e ao bem-estar social. É nosso dever incentivar seu uso racional, o combate ao desperdício e promover uma nova consciência quanto à importância destes recursos para a sociedade”, defende, ao destacar que o futuro destes recursos depende muito de medidas agora implementadas, cujo objetivo é, essencialmente, incentivar a racionalização do uso, prevenir o desperdício e garantir o abastecimento da população.