geladeira-eficiencia-energeticaFamílias de baixa renda de Nova Andradina, previamente selecionadas pela Enersul, serão contempladas nesta segunda-feira (17) com geladeiras e lâmpadas novas do Programa de Eficiência Energética, realizado pelo governo do Estado e a Enersul. Ao todo serão entregues 350 geladeiras e 3500 lâmpadas, beneficiando 700 residências.

Para realização do programa no município, o vereador Dr. Sandro Hoici, apresentou diversas indicações na Câmara, a primeira delas em março de 2009, onde justificava a inclusão do município no cronograma do projeto. “O crescimento populacional e o desenvolvimento tecnológico dos bens de consumo faz que a cada dia se eleve o consumo elétrico per capita, aumentando exponencialmente a demanda por esse serviço essencial ao desenvolvimento econômico e social. Os investimentos necessários em geração de energia para suprir essa demanda, não caminham no mesmo passo, correndo-se o risco em médio prazo de racionamento forçado, tornando indispensável a criação de programas para o uso racional e eficiente de energia elétrica”, diz Dr. Sandro citando o caso do Programa de Eficiência Energética da Enersul, que está desde 2006 beneficiando várias cidades do Estado.

Para o vereador, o programa representa ganhos para o município, tanto na área energética, quanto no lado social e ecológico. “Além de beneficiar famílias de baixa renda, trocando velhas geladeiras, por novas mais eficientes e econômicas, há também o lado ecológico, onde providencia o descarte destas, de forma que não causem agressão à natureza e à camada de ozônio”, considera.

Além das indicações apresentadas na Câmara, Dr. Sandro esteve em audiências com o gerente de relacionamento da Enersul, Valter José Bortoletto e solicitando apoio político dos Deputados Estaduais Zé Teixeira e Dione Hashioka, além do então diretor-presidente da Agepan, Roberto Hashioka para reforçar a viabilidade o mais rápido da inclusão do município no programa.

Na época, Dr. Sandro mencionava seu espanto em saber que Nova Andradina ainda não estava inclusa no projeto, já que é cidade polo do Vale do Ivinhema, 5.º PIB do Estado, 7.º município em número de habitantes, com taxa de crescimento populacional anual de 1,91%. “Estou cumprindo mais uma etapa dos compromissos assumidos com a população do nosso município. É uma conquista e um presente que a população recebe, marcando o final do meu primeiro mandato”, finaliza.

Veja também:

  1. Projeto para resgate da história de Nova Andradina é solicitado por Dr.Sandro
  2. Por indicação de Dr. Sandro, Nova Andradina vai receber Programa de Eficiência Energética
  3. Dr. Sandro quer instituir projeto Recicloteca em Nova Andradina
  4. Dr. Sandro reivindica curso profissionalizante para Nova Andradina
  5. Indicação de Dr. Sandro contempla moradores do bairro São Vicente