Meu nome é Sandro Roberto Hoici, médico urologista a 17 anos em Nova Andradina, eleito vereador em 2008 e reeleito em 2012. Criei este blog para tratar de assuntos de saúde e também prestar contas sobre meu trabalho na Câmara Municipal.

Destaque

Campanha Saco é um Saco

Campanha

Saco é um saco


Participe você também!

Citação

“Na vida não há prêmios nem castigos. Somente consequências.”
por Robert Green Ingersoll

24
nov

Dr.Sandro discute propostas para gerenciamento integrado de resíduos urbanos

Apresentando Propostas para os Resíduos Nesta última sexta-feira (20/11), Dr.Sandro juntamente com o Sr.Kid José Forghuieri Traldi se reuniram com o Prefeito José Gilberto Garcia e o Secretário de Desenvolvimento Integrado Fábio Maurício Selhorst  para apresentar propostas para coleta seletiva e destinação de resíduos sólidos.

Desde o inicio do ano, Dr.Sandro tem estudado várias propostas e modelos de gestão comprovadamente eficazes para amenizar o problema dos resíduos urbanos. Através de várias reuniões e debates foram discutidas várias questões relacionadas,  e inclusive houve o I Seminário sobre Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos e Educação Ambiental. Toda essa troca de experiências tem contribuído excepcionalmente para o entendimento do problema e suas possíveis soluções.

Foi proposto um modelo para melhoria da eficiencia da coleta seletiva e colocado em questão o trabalho dos catadores, que são agentes essenciais nesse processo, devendo o trabalho ser reconhecido como  de utilidade pública, estabelecendo convenios com as cooperativas, assim, tornando-os como parte do sistema municipal de coleta de lixo.

Também foi apresentado um modelo de equipamento inovador que transforma o lixo tradicional em tijolos e telhas que podem ser usados na construção civil, onde, caso seja implementado, poderia resolver o problema da imensa quantidade de resíduos não aproveitáveis que são destinados aos aterros.

Ficou acordado com o executivo o estudo técnico de viabilidade das propostas.

Alguns fatos sobre a Coleta Seletiva em Nova Andradina

Catadores de Resíduos Recicláveis - Nova Andradina
  • São 10 pessoas trabalhando na coleta seletiva em Nova Andradina.
  • Cada pessoa recolhe em média 110 KG de resíduos recicláveis por dia.
  • Recolhimento total médio de 1.100 KG diários, que equivale a aproximadamente 22 toneladas por mês.
  • A coleta de “lixo tradicional” recolhe em média 22 toneladas por dia, totalizando cerca de 450 toneladas por mês.
  • A coleta seletiva representa apenas 5% do total de lixo recolhido.
  • O resíduo reciclável é vendido a R$ 0,11 o quilo.
  • Cada pessoa tira em média R$ 250 por mês.
  • São pessoas dependentes de serviços sociais, como bolsa família, vale renda e cestas básicas.
  • O executivo cede o caminhão, motorista e combustível para o recolhimento e transporte dos resíduos recicláveis.

03
nov

I Seminário sobre Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos e Educação Ambiental

Reciclagem Acontecerá nesse sábado (07/11) o I Seminário sobre Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos e Educação Ambiental, evento que será realizado na Câmara Municipal de Nova Andradina.

O Seminário é aberto ao público, e irá tratar dos problemas relacionados à geração, coleta, destinação do lixo e o trabalho na catação dos resíduos recicláveis, que tem assumido grandes proporções, e devido sua atual falta de organização, tem exigido novas atitudes dos poderes públicos municipais e a participação direta da comunidade em ações que visem a sua mitigação.

Programação:
07:30 – Credenciamento
08:10 –  Mesa de Abertura.
09:00 – Mesa I: Gestão de Resíduos Sólidos Domiciliares
12:30 – Mesa II: Experiências de Coleta Seletiva e Educação Ambiental
14:30 – Coffee Break
14:50 – Mesa III: Economia Solidária e Formação de Cooperativas Populares
16:50 – Mesa IV: Projetos e Pesquisas em Resíduos Sólidos e Educação Ambiental

Haverá entrega de Certificados no final do Seminário.

12
ago

Dr.Sandro propõe projeto de reciclagem de óleo vegetal para produção de biodiesel

Biodiesel Pump FlowerA sessão ordinária desta segunda-feira foi a escolhida pelo vereador democrata Dr. Sandro Hoici para apresentar o projeto socioambiental para coleta, manejo e reciclagem de resíduos de óleo vegetal. A indicação tem o objetivo de reciclar o óleo de cozinha usado para a produção de biodiesel.
Com esta iniciativa de responsabilidade socioambiental, Dr. Sandro quer contribuir para a redução dos danos causados ao meio ambiente pela destinação incorreta dos resíduos de óleo. “A preservação da natureza depende da mobilização de toda a sociedade. Cada um precisa fazer sua parte”, conclama o vereador.
Na indicação, Dr. Sandro justifica que o crescimento urbano desordenado trouxe o aparecimento de problemas ambientais, como a alta produção de lixo, a disposição inadequada de produtos tóxicos à saúde humana e ao meio ambiente. “A questão do lixo está se tornando um dos problemas mais graves da atualidade e a reciclagem é uma forma importante de gerenciamento de resíduos, pois transforma o lixo em insumo, com diversas vantagens ambientais, dentre elas, a economia dos recursos naturais e o bem estar da comunidade”, defende Dr. Sandro ao pontuar que dentre muitos produtos de difícil degradação no meio ambiente, estão as gorduras, que não se dissolvem e nem se misturam à água. O vereador defende ainda que a solução para este problema é a reciclagem do óleo vegetal, reaproveitando o produto sem dar prejuízos ao meio ambiente.

14
jul

Dr.Sandro solicita criação de Programa de Coleta Seletiva

reciclagem A inclusão de temas ambientais nas indicações do vereador Democrata Dr. Sandro Hoici tem sido constante na Câmara de Nova Andradina. A proposta mais recente trata da implantação de um programa abrangente visando ampliar a área de cobertura e eficiência dos serviços públicos de manejo de resíduos sólidos, redução, reaproveitamento e reciclagem de materiais. Apresentada nesta segunda-feira (13) durante sessão ordinária da Câmara, a proposta encaminhada ao Poder Executivo também sugere o fomento a associações de catadores de materiais recicláveis e inclusão socioeconômica de seus associados. Foi sugerido o  modelo de programa utilizado na cidade de Londrina-PR, que é uma referência a nível nacional, onde se obtêm parâmetros para criação de um programa adaptado a realidade local. O custo de implantação desse programa é elevado devido às benfeitorias necessárias, mas que podem ser pleiteadas junto ao Ministério do Meio Ambiente, mediante apresentação de projeto até 31 de dezembro deste ano, frisou o vereador. 

Na indicação Dr. Sandro considera o lixo doméstico como um grande problema para a natureza e para a municipalidade, pontuando a necessidade de se alocar áreas cada vez maiores para criação de aterros, o que compromete locais que poderiam estar sendo usados para plantação ou pecuária. A coleta seletiva do lixo também é mencionada na proposta, assim como a importância da criação de um programa que estabeleça parâmetros para viabilizar o desenvolvimento sustentável.

07
jul

Dr. Sandro propõe formação de Vigilantes Juniores do Meio Ambiente

ecologia O assunto está na mídia quase que diariamente. São instituições, grupos, ambientalistas que batem na mesma tecla: é preciso cuidar do meio ambiente. Entretanto, a campanha praticamente global não tem atingido os objetivos propostos, o homem continua depredando, cortando árvores, jogando lixo em qualquer lugar e usando a água de forma abusiva. Diante deste paradoxo as pequenas iniciativas fazem a diferença. Em Nova Andradina, o vereador democrata Dr.Sandro Hoici, propôs a criação do projeto de formação de Vigilantes Juniores do Meio Ambiente, e tem por finalidade levar uma consciência crítica em relação ao tema, em especial às crianças que são o futuro do planeta.

A proposta consiste na organização, em cada unidade da rede municipal de ensino, de uma comissão de alunos que atuará no monitoramento de questões que possam influenciar na qualidade de vida de nossa população e venham comprometer a questão do meio ambiente, que posteriormente serão remetidas ao chefe do Executivo. Os membros da comissão serão selecionados dentre alunos com bom aproveitamento escolar, através de eleição direta. Parcerias com a iniciativa privada serão firmadas para que haja o fomento de atividades das comissões, que irá se reunir anualmente para um seminário, com o objetivo de expor experiências, resultados, estratégias e metas.