Meu nome é Sandro Roberto Hoici, médico urologista a 17 anos em Nova Andradina, eleito vereador em 2008 e reeleito em 2012. Criei este blog para tratar de assuntos de saúde e também prestar contas sobre meu trabalho na Câmara Municipal.

Destaque

Campanha Saco é um Saco

Campanha

Saco é um saco


Participe você também!

Citação

“A árvore não nega sua sombra nem ao lenhador.”
por Provérbio Hindu

01
out

Dr.Sandro cobra agilidade no programa Minha Casa, Minha Vida

Minha Casa, Minha Vida Desde quando o governo federal lançou o programa habitacional “Minha Casa, Minha Vida”, Dr.Sandro vem batalhando para que o município de Nova Andradina também seja beneficiado. Inicialmente o programa previa atender apenas municípios com população acima de 50 mil habitantes, mas devido esforços conjuntos de parlamentares de todo o Brasil, o governo federal recuou, e estendeu o programa para todos os municípios, entretanto esse critério foi apenas oficialmente regulamentado agora, através da portaria interministerial nº 484 de 28 de setembro de 2009. A portaria estabelece que municípios com 20 a 50 mil habitantes podem apresentar até 3 projetos para construção de 60 moradias cada, logo, no caso de Nova Andradina, podem ser pleiteadas até 180 moradias, e ainda estabelece um prazo de apenas 30 dias a partir da data de publicação para apresentação dos projetos, ou seja, todos os municípios com menos de 50 mil habitantes precisam correr e entregar os projeto até 29 de outubro.
Em vista dos fatos, Dr.Sandro foi pessoalmente cobrar a Secretária de Infra-estrutura Elizabeth Sumiko Anami Nogueira para que empenhe todos os esforços para concretizar e entregar o projeto dentro do prazo estabelecido na portaria, sob pena do município perder essa grande oportunidade de realizar o sonho da casa própria de muitos cidadãos nova-andradinenses.

Dr.Sandro cobra agilidade programa Minha Casa Minha Vida

17
set

Dr. Sandro quer implantação de Projeto Esportivo Social

Para ampliar o atendimento da demanda sócio-esportiva de Nova Andradina, o vereador Dr. Sandro Hoici propôs através de indicação, que o município crie um projeto esportivo social, para incentivar o esporte e permitir a inclusão da população.

Dr. Sandro pondera que diante de um país em que os problemas sociais são as principais preocupações dos governantes, temos o dever moral e ético de exercermos a Responsabilidade Social, principalmente no que tange à democratização do acesso ao esporte e ao lazer para a infância e a adolescência. Tais conceitos estão presentes no Art. 227 da Constituição Federal, no Art. 4º do Estatuto da Criança e do Adolescente, e na Carta dos Direitos da Criança no Esporte – Avignone.

Reconhecendo a importância do tema, constantemente abordado nas discussões entre o Governo Federal e organismos internacionais como a Unesco, Unicef e ONU, Dr. Sandro considera que as classes menos favorecidas sempre viram o esporte como uma forma de galgar posições na vida, de superar barreiras da ascensão social e de, potencialmente, obter sucesso. “Fazer e produzir esporte é gerar mais saúde, mais equilíbrio, e é principalmente um importante instrumento para capacitar pessoas a ingressarem construtivamente na sociedade”.

A conquista da Sociedade Esportiva Nova Andradina (SENA) em 1992, como campeã estadual de futebol profissional também pautou a justificativa do vereador, que solicita a viabilidade de um trabalho de base, para que Nova Andradina volte à elite do futebol profissional.

Time Infantil da Vila Operária

04
set

Dr.Sandro entrega camisas de futebol

Dr. Sandro entregou nesta última quarta-feira (02/09) um jogo de camisas de futebol doadas pelo Deputado Estadual Zé Teixeira, ao Sr. Gilmar Amorim, Coordenador Municipal de Esportes, que deverá repassá-las a um dos times que disputarão o campeonato de futebol amador que será realizado nos próximos meses.

Dr.Sandro entregando as camisas doadas pelo Dep.Zé Teixeira

10
ago

Dr.Sandro prestigia jogos amistosos de futebol infantil

Dr. Sandro prestigiou no último domingo (09/08), os jogos amistosos que ocorreram no Andradão, entre o time da Vila Operária contra o Ivinhema, nas categorias Pré-mirim, Mirim e Infantil.

O time da Vila Operária está sob coordenação do treinador Martins Marques dos Santos, conhecido mais popularmente como “Mancha”, que há 19 anos vem batalhando com esforço próprio para realizar um trabalho de base com as crianças carentes da Vila Operária.

Os resultados dos jogos foram:
Pré-mirim: Vila Operária 3 x 3 Ivinhema
Mirim: Vila Operária 1 x 3 Ivinhema
Infantil: Vila Operária 2 x 1 Ivinhema

“Fico muito feliz com o trabalho árduo que o Mancha vem realizando, onde vem tirando da ociosidade e de situações de risco as crianças de nosso município, e está oportunizando que elas cresçam de uma forma saudável e digna. Não pouparei esforços para que esse trabalho, e muitos outros  continuem avançando e se expandindo, para que a garra, a consciência, a responsabilidade e o companheirismo do esporte, norteiem a vida dessas crianças, e quem sabe,  possam revelar futuros craques”, declarou o vereador.

Time futebol mirim e infantil da Vila Operária Jogo amistoso Vila Operária x Ivinhema Time futebol miriml Vila Operária Jogo amistoso Vila Operária x Ivinhema

14
jul

Dr.Sandro solicita criação de Programa de Coleta Seletiva

reciclagem A inclusão de temas ambientais nas indicações do vereador Democrata Dr. Sandro Hoici tem sido constante na Câmara de Nova Andradina. A proposta mais recente trata da implantação de um programa abrangente visando ampliar a área de cobertura e eficiência dos serviços públicos de manejo de resíduos sólidos, redução, reaproveitamento e reciclagem de materiais. Apresentada nesta segunda-feira (13) durante sessão ordinária da Câmara, a proposta encaminhada ao Poder Executivo também sugere o fomento a associações de catadores de materiais recicláveis e inclusão socioeconômica de seus associados. Foi sugerido o  modelo de programa utilizado na cidade de Londrina-PR, que é uma referência a nível nacional, onde se obtêm parâmetros para criação de um programa adaptado a realidade local. O custo de implantação desse programa é elevado devido às benfeitorias necessárias, mas que podem ser pleiteadas junto ao Ministério do Meio Ambiente, mediante apresentação de projeto até 31 de dezembro deste ano, frisou o vereador. 

Na indicação Dr. Sandro considera o lixo doméstico como um grande problema para a natureza e para a municipalidade, pontuando a necessidade de se alocar áreas cada vez maiores para criação de aterros, o que compromete locais que poderiam estar sendo usados para plantação ou pecuária. A coleta seletiva do lixo também é mencionada na proposta, assim como a importância da criação de um programa que estabeleça parâmetros para viabilizar o desenvolvimento sustentável.